Marisa Monte vislumbra a alvorada com single 'Calma', aliciante soul que sinaliza o tom pop do álbum 'Portas'

  • 10/06/2021


Programado para 1º de julho, dia do 54º aniversário da cantora, o álbum tem coprodução de Arto Lindsay, com quem a artista iniciou conexão há 30 anos no disco 'Mais'. Capa do single 'Calma', de Marisa Monte Pintura de Marcela Cantuária Resenha de single Título: Calma Artista: Marisa Monte Composição: Marisa Monte e Chico Brown Edição: Phonomotor Records / Sony Music Cotação: * * * * * ♪ Primeiro single do primeiro álbum solo de músicas inéditas de Marisa Monte em dez anos, Calma entrou em rotação às 21h desta quinta-feira, 10 de junho, com capa que expõe pintura de Marcela Cantuária e com munição certeira para seguidores e detratores da cantora e compositora carioca. Para quem esperava por (alguma) revolução ou mesmo por um toque de ousadia na discografia da artista, a decepção é garantida. Para quem entende que Marisa vem fazendo essencialmente o que costuma se chamar genericamente no mercado de música pop, em movimento autoral iniciado há 30 anos com o álbum Mais (1991) e alavancado a partir do álbum blockbuster Memórias, crônicas e declarações de amor (2000), Calma soa como canção instantaneamente aliciante. Em essência, Calma é soul pop que anuncia a alvorada e que, diante do sombrio momento atual do mundo e especificamente do Brasil, surte até efeito terapêutico por vislumbrar futuro em que a luz do sol voltará a bater na estrada, para citar verso da letra da composição assinada por Marisa Monte em parceria com Chico Brown, filho de Carlinhos Brown, um dos parceiros mais frequentes da artista. O single Calma sinaliza que o álbum Portas – programado para ser lançado em 1º de julho, dia do 54º aniversário da cantora nascida em 1967 – vai se abrir para o mundo na mesma good vibe do antecessor O que você quer saber de verdade (2011). Gravado entre outubro de 2020 e abril de 2021 pelo engenheiro de som Daniel Carvalho (RJ) e por Patrick Dillet (NY), com produção orquestrada pela própria Marisa Monte com a colaboração de Arto Lindsay (produtor do citado álbum Mais e do posterior Verde anil amarelo cor-de-rosa e carvão, disco de 1994 que sedimentou o prestígio de Marisa Monte), o álbum Portas parece – a julgar pelo single Calma – ser pautado pela sofisticação que sempre embalou, com paradoxal simplicidade e apelo pop(ular), a música de Marisa Monte. Marisa Monte oferece sopro de esperança em 'Calma', single valorizado pelo arranjo de metais do trombonista Antonio Neves Elisa Mendes / Divulgação Na gravação de Calma, feita com músicos norte-americanos arregimentados por Arto Lindsay em Nova York (EUA) e por músicos brasileiros, a canção é valorizada pelo arranjo, sobretudo pela orquestração dos metais pelo trombonista Antonio Neves. O naipe de metais – formado pelo trombonista com Eduardo Neves (flauta), Eduardo Santana (trompete) e Oswaldo Lessa – sopra todo um universo musical black que pavimenta com soul o “asfalto negro” mencionado na letra. Em três minutos e seis segundos, Marisa Monte apresenta perfeito pop soul que, quando voltar a comunhão presencial entre a artista e público em shows, tem tudo para ser calorosamente cantado em coro por seguidores da cantora. Nessa arquitetura delicada, o toque do piano Paul Wilson soa como adorno na gravação formatada com violões (o de aço é tocado por Dadi Carvalho e o de nylon é da própria Marisa), a bateria suave de Kassa Overall, a guitarra sutil de Nicolas Hakim, o baixo de Melvin Gibbs e o trompete de Michael Leonhart. Esses instrumentos são harmonizados no single para sustentar a leveza pop do single Calma, sopro de esperança e primeiro sinal de que, mesmo sem abrir ciclo na discografia de Marisa Monte, o álbum Portas fará jus à expectativa de quem espera há uma década por um disco solo de músicas inéditas da artista.

FONTE: https://g1.globo.com/pop-arte/musica/blog/mauro-ferreira/post/2021/06/10/marisa-monte-vislumbra-a-alvorada-com-single-calma-aliciante-soul-que-sinaliza-o-tom-pop-do-album-portas.ghtml

Aplicativos


Locutor no Ar

Monise Borges

HARMONY SESSION

19:00 - 20:00

Anunciantes